Resenha: O amante / Jodi Ellen Malpas

Resenha: O amante / Jodi Ellen Malpas

💬 “Meu lado sentimentaloide delira um pouco, mas, o lado lógico do meu cérebro a parte que não está totalmente consumida por Jesse grita que a mulher é, na verdade, alguém que fica de joelhos e obedece a cada um de seus comandos, suas exigências e suas instruções.”

Resenha 🌷

424 páginas // Jodi Ellen Malpas // Clube Essência

Olá leitores, hoje trago a resenha do O AMANTE, primeiro livro da trilogia o amante, que eu recebi em parceria com a editora Clube Essência, e foi lido pela colaboradora, Juh Pongeluppe.

A jovem designer de interiores Ava O’Shea tem uma reunião de consultoria com o sr. Jesse Ward, proprietário do misterioso O Solar.

Ela está esperando nada mais do que um homem velho, acima do peso e que usa terno e gravata, mas dá de cara exatamente com o oposto.

Jesse é devastadoramente bonito, charmoso e confiante. Mas também é vaidoso, arrogante e não conhece limites.

Ava não quer se sentir atraída por ele, mas não pode controlar o efeito avassalador que esse homem tem sobre ela.

Cada instinto está lhe dizendo para correr, mas Jesse Ward não está disposto a deixá-la escapar.

Ele a quer e está determinado a tê-la.

Ava sabe que está prestes a entrar em um relacionamento intenso e conturbado, mas o que fazer se ele não a deixa ir?

🌷Quando eu vi que está trilogia iria ser adaptada e se tornaria uma série de filmes, eu fiquei curiosa em relação à história.

Mesmo tendo lido livros com a temática BSDM há muito tempo, eu quis voltar a ler histórias com este tema, já que fazia muito tempo que não os lia.

O que posso adiantar é que o livro é absolutamente viciante, mas que certas coisas fugiram do meu entendimento.

Quando eu penso ser um livro que fala principalmente sobre dominação e submissão, eu até consigo entender o que ocorre na história, porém, por ser algo totalmente diferente de como penso / lido com a minha vida, foi algo em certos momentos totalmente incompreensível e inaceitável.

O Jesse é um dominador em níveis hards. Ele quer a Ava, ele vai atrás disso, mas ele acima de tudo, quer mandar em como ela leva TODA a sua vida.

Não existem espaços onde ele deixe ela livre. Ele quer mandar, e mandar, e mandar sem parar.

Talvez por conta disso, eu tenha tido um pouco de dificuldade em torcer pelo relacionamento deles.

Porém, não posso deixar de falar sobre as cenas hots. Elas são bem descritas, envolventes e quentes como poucas vezes li.

Mas como adiantei, o Jesse ele é intenso, então isso já era algo que eu esperava.

Apesar de questionar quase todas as atitudes do mocinho e não entender como a Ava aceitava tudo sem questionar, eu achei a história um pouco abusiva.

Mas, olha como o livro é algo divergente. Porque, ao mesmo tempo, que eu queria gritar com o Jesse, eu não conseguia parar de ler e saber como essa história iria terminar.

Bom, então, lá vou eu para o segundo livro, em que eu espero, que a Ava tenha mais voz e que o Jesse aprenda a ouvir e respeitar as decisões dela.
Afinal, ela não é uma boneca.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s