Primeiras impressões: Novo mundo em chamas / Victor Waewell

Primeiras impressões: Novo mundo em chamas / Victor Waewell

Primeiras Impressões 🌷

#primeirasimpressoesmeuromeo

Olá leitores, hoje trago as primeiras impressões do livro NOVO MUNDO EM CHAMAS, que eu li parceria com o autor, Viktor Waewell (@viktor_waewell).

Eu não sei se já falei pra vocês, mas eu particularmente gosto muito de história, principalmente quando envolve temas como a história da colonização das Américas, principalmente partes que envolvem o nosso Brasil.

E neste livro temos uma história ambientada neste cenário.

Apesar de ser uma obra de ficção, o autor conseguiu até o momento aprofundar bem no tema, trazendo o que de fato muito provavelmente aconteceu, mesmo que com personagens “fictícios”.

Apesar de eu ainda estar no início do livro, já que estou em cerca de 27% do livro, até o momento estou bem curiosa em como o autor vai desenvolver os personagens que já surgiram, bem como possíveis novos personagens e embates.

É uma história com uma tem uma riqueza de detalhes impressionante.

Estou curiosa com os próximos acontecimentos neste livro.

Gostam de livros que possuem uma riqueza de pesquisa e que apesar de ser uma obra de ficção, em vários momentos parecem que não?

Vou deixar a sinopse para conhecerem um pouco mais da história e logo trago a resenha completa.

Para quem já quiser começar a ler, o livro está disponível no Kindle Unlimited.

Sinopse 🌷:

Negros fugidos no mato, um exército dos fidalgos e índios que comem gente são ingredientes deste épico histórico arrebatador, por uma das novas vozes da literatura brasileira contemporânea.

Quando os fidalgos expulsam os invasores holandeses do Nordeste, sua máquina de guerra volta-se para o interior, para a grande região de Palmares, lar de vilas e cidades fortificadas dos pretos, localidades chamadas mocambos, e de tribos selvagens remanescentes, com seus exímios guerreiros.

Você vai vivenciar este embate, palco de algumas das maiores batalhas já travadas em solo americano, com heróis e vilões dos dois lados, entre soldados e guerreiros, capitães do mato, pretos que buscam vingança e poderosos senhores brancos, com reconstituição histórica fiel.

O seu coração vai acelerar, os pelos dos braços vão arrepiar, com o medo, a coragem, os amores e as traições, no melhor estilo “é impossível parar de ler”.

Resenha: A rainha do nada / Holly Black

Resenha: A rainha do nada / Holly Black

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

294 páginas // @blackholly // @galerarecord

Olá leitores, hoje trago a resenha do livro A RAINHA DO NADA, terceiro livro da série O povo do ar, que recebi em parceria com a Editora Galera Record.

*Se você não leu os livros anteriores, está resenha pode conter spoiler.*

Quando Jude aceitou se casar com Cardan, ela pensou que teria o poder completo, já que seria a nova rainha de Elfhame.

O que ela não esperava era que ele iria trai-la e exila-lá para o mundo mortal.

Determinada a tomar de volta tudo o que perdeu, ela decide que a melhor forma é se vingar de Cardan.

E a oportunidade perfeita acaba surgindo de onde ela menos espera: sua irmã Jude está em apuros por causa de Locke e pede que ela troque de lugar consigo, para que assim possa ajudá-la, já que Jude sabe mentir muito bem.

O que Jude não esperava, era que ao retornar ao mundo das fadas, fosse ser ainda mais difícil do que esperava.

Lutando contra novos e antigos inimigos, além de não saber se pode confiar novamente em Cardan, ela sabe que tomar decisões corretas será a única forma de sobreviver a salvar o mundo que aprendeu a amar.

🌷Quando eu terminei o segundo livro, eu surtei de forma tão intensa, que não resisti e ao invés de esperar este bebê lançar aqui no Brasil, eu corri e li em inglês.

E como está história me surpreendeu.

Ao contrário dos dois primeiros volumes, que começam de forma mais lenta, este livro já se inicia eletrizante.

Acompanhamos uma Jude mais madura, e que tenta de todas as formas se manter forte e decidida.

Além disso, não foi só a Jude que mudou, mas o nosso príncipe/rei Cardan, teve uma mudança mais significativa ainda.

Se eu algum dia critiquei ele, eu já não me lembro, já que foi inevitável não me apaixonar mais ainda por ele.

Ele nada mais é do que um personagem incompreendido eque me despertou mais curiosidade ainda ao ler, e que por isso não vejo a hora de lançarem o livro dele por aqui.

A história foi muito bem construída e vários pontos que ficaram em aberto nos livros anteriores, foram resolvidos e fechados com maestria.

É uma história mais rápida e extremamente envolvente.

Eu me vi completamente conectada com os personagens novamente e fiquei obcecada até a última linha.

Mal havia terminado e já sabia que sentiria saudades dessa história por um longo tempo.

Então, se você é amante de fantasia, eu recomendo demais que leia esta história, já que ela tem fantasia, ação e romance e tudo na medida certa.

Amei demais essa história e foi impossível não favorita-lá.

Caso queiram, eu resenhei os dois livros anteriores e sei que vai amar essa trilogia como eu amei.

Primeiras impressões: Uma mãe para a filha do CEO / D.A.Lemoyne

Primeiras impressões: Uma mãe para a filha do CEO / D.A.Lemoyne

Primeiras Impressões 🌷

#primeirasimpressoesmeuromeo

Olá leitores, hoje trago as primeiras impressões do livro UMA MÃE PARA A FILHA DO CEO, que eu li em parceria com a autora, D. A. Lemoyne (d.a.lemoyneauthor).

Quem está me acompanhando estes últimos 2 meses, sabe que eu conheci a escrita da D. A. Lemoyne e que desde então, eu estou completamente viciada em todos os livros que ela escreve.

Este livro lançou hoje, e eu só posso dizer que mais uma vez, a autora me deixa fascinada por uma história.

Começa que histórias que envolvem crianças já me conquistam logo de cara.

Além disso, temos uma mocinha que já no início mostra uma força gigantesca, e que mesmo com os percalços da vida, não tira o sorriso do rosto.

O mocinho então, nem preciso falar que ele me conquistou nas 10 primeiras páginas.

Apesar de ainda estar no início, estou completamente apaixonada pela história e pelo casal.

Aproveitem que ele lançou hoje e está disponível no Kindle Unlimited, para ler essa história incrível comigo.

Vou deixar a sinopse abaixo, para conhecerem um pouco mais sobre o livro.

Sinopse 🌷:

Quando Guillermo Oviedo, o CEO da rede de hotelaria Caldwell-Oviedo, descobre um segredo do passado de sua falecida esposa, decide corrigir o que considera uma injustiça.

Aliado a isso, há o desejo de aproximar a filha de sua única parente materna viva.

Mas o bilionário não estava preparado para Olívia Freitas, a garçonete que é uma força da natureza com seu um metro e cinquenta e seis de pura sede de viver.

Atenção: pode conter gatilho.

Aviso: Esse é o primeiro livro da série Irmãos Oviedo. Apesar de ser uma série, cada livro da saga, por não ser com o mesmo casal, poderá ser lido independentemente, mas os livros seguintes contêm spoilers dos anteriores.

Primeiras impressões: Neve de primavera / Márcia Lima

Primeiras impressões: Neve de primavera / Márcia Lima

Primeiras Impressões 🌷

#primeirasimpressoesmeuromeo

Olá leitores, hoje trago as primeiras impressões do livro NEVE DE PRIMAVERA, que eu li em parceria com a autora, Márcia Lima (@autoramarcialima).

Quem me acompanha, sabe que eu sou uma pessoa que é apaixonada por séries e livros orientais.

Quando a Marcinha me mandou a sinopse e me contou sobre a história, eu claro surtei, porque é um livro totalmente a minha cara.

E só posso dizer que estou A-M-A-N-D-O.

Os personagens são coreanos e até o momento a história se passa entre a Coreia do Sul e o Brasil.

Estou em cerca de 38% e apaixonada na trama como tudo todo, porque o casal principal já tem uma química surprendente.

Estou super ansiosa pra concluir, mas já sinto que vou terminar ele mais apaixonada ainda.

Já leram ou assistiram alguma série oriental?

Vou deixar a sinopse para conhecerem um pouco mais da história e logo trago a resenha.

Sinopse 🌷:

“Por um segundo, resolvi esquecer tudo que me separava de Samanta e cruzar o abismo que existia entre nós.

Talvez os dias limitados que eu tinha com ela fossem, de fato, uma boa sorte. Se o adeus era inevitável, viver o agora parecia mais leve.”

Seo Joon foi criado para ser o presidente de um grande conglomerado. Privado de sua própria essência, aprendeu a manter uma aparência sóbria e distante, menos quando se trata do filho Yoon, a quem cria sozinho desde a morte prematura da esposa.

Competente e determinado, Joon não tem tempo a perder, principalmente quando está às voltas com um caso de corrupção em sua própria empresa.

Samanta Lee não conhecia muito sobre a cultura da qual descendia, além de dramas de televisão e lámen. Sozinha desde a morte dos pais, lutou muito para alcançar o tão sonhado cargo de relações públicas, em uma multinacional coreana.

Alegre e extrovertida, Sam está acostumada a lidar com os desmandos do azar, mantendo sempre os pés no chão e os olhos na realidade. Definitivamente, apaixonar-se não estava nos planos.

Ela só queria manter o emprego, ele não pôde fugir de uma viagem de negócios… Mas, quando o destino conspira a favor, quem pode dizer o contrário?

Do outro lado do mundo, no inverno cinzento de Seul, a primavera florescerá.

Resenha: Quando você voltou pra minha vida / Hilary Boyd

Resenha: Quando você voltou pra minha vida / Hilary Boyd

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

322 páginas // Hilary Boyd // Editora Record

Olá leitores, hoje trago a resenha do livro QUANDO VOCÊ VOLTOU PARA A MINHA VIDA, que eu recebi em parceria com a Editora Record.

Há três anos atrás, Flora foi abandonada pelo seu namorado sem nenhuma explicação.

Depois de 8 anos de um relacionamento no qual ela acreditava que o amor movia ambos, ela percebe que talvez isso não acontecia para, Fin.

E então, agora ele está de volta.

Mais bonito do que nunca e determinado a ter o seu perdão e seu amor novamente.

Será que ela será capaz de perdoa-lo e reviver com ele sua história de amor?

🌷Eu queria muito ter gostado desse livro, mas infelizmente não tive uma opinião muito positiva.

Porém, sempre que eu não gosto de uma história, eu busco sempre ver o que teve de bom no decorrer dela, já que é quase impossível que uma pessoa leia um livro e não veja nenhum ponto positivo.

E este livro ao meu ver teve dois pontos positivos: Doroth e a escrita fluida e de fácil leitura.

Bom, quem ainda não leu o livro pode estar se perguntando quem é Doroth.

A Doroth nada mais é do que uma senhora no qual a Flora é sua enfermeira.

É uma senhora bondosa, meiga e que está provavelmente em seus últimos anos de vida… e posso garantir que ela é totalmente encantadora e trás uma leveza a história.

O segundo ponto positivo é a escrita fluida, marcada por muitas narrações, o que faz o leitor participar mais da história.

Bom, estes foram os dois pontos que achei positivo, mas como informei, o livro infelizmente não me agradou tanto.

Eu simplesmente não gostei do casal principal, porque achei a Flora completamente passiva e sem nenhum amor próprio.

Teve muitos momentos que eu queria entrar na história e falar: linda, esse homem não te merece, você é boa demais pra ele.. supere isso.

E o Fin, chega até ser difícil de falar sobre ele.

Foi um personagem que desde a segunda página não me convenceu.

Achei ele um tanto quanto manipulador e com toques muito profundos de egoísmo.

Bom, sei que está resenha é somente a minha opinião, e sei que pelo que eu li de outras resenhas, algumas pessoas gostaram muito da trama e até deram uma quantidade de estrelas bem superior a minha avaliação.

Mas está é a mágica de você ser leitor, já que pra mim, cada história toca um leitor de uma maneira, e por isso quero deixar claro que está é a minha opinião.

E então, qual é a melhor forma de contesta-lá? Isso mesmo, lendo!

Você só vai saber se sua opinião é igual a minha se você ler, então espero que mesmo não tendo sido positiva, que você conheça o livro e tire suas próprias conclusões.

É isso, espero que tenham gostado.