Resenha: Teoricamente Princesa

Resenha: Teoricamente Princesa

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

304 páginas //

Olá leitores, hoje trago a resenha do livro TEORICAMENTE PRINCESA, que eu recebi em parceria com a Clube Essência, selo da Editora Planeta dos Livros.

Nadeli Smith não tem tempo para contos de fada, já que seu tempo é dedicado totalmente a sua pós-graduação e aos trabalhos de meio período que a ajudam a pagar suas contas, já que viveu praticamente toda a vida em orfanatos, sem saber de sua origem.

E quando ela começa a receber vários e-mails informando que ela é uma princesa, e que está de casamento marcado, ela só pensa em como as pessoas tentam dar golpes diferentes internet.

Só que o que ela não esperava, é que durante um dia de trabalho, um novo funcionário totalmente inexperiente seria contratado.

O problema é que na verdade, esse funcionário nada mais é do que um príncipe africano, que acabou de chegar aos Estados Unidos, disposto a conhecer sua noiva.

Entre mal entendidos e confusões, Thabiso acaba se passando por outra pessoa, para conquistar sua prometida.

O problema é que nenhuma mentira pode durar para sempre, e ele terá que arcar com as consequências.

Será que Nadeli recordará sua origens e poderá assumir seu papel de realeza?

🌷Quem ama contos de fadas moderno? 🙋🏼‍♀️.

Bom, eu adoro histórias que falam sobre príncipes e princesas, ainda mais quando a história trás um ar contemporâneo e atual.

E essa história é exatamente assim. Com ares de Diário da Princesa, nessa história conheceremos Nadeli e sua forma de vontade.

Ela é uma mocinha atual, jovem, meiga e batalhadora.

Mesmo vivendo quase toda a vida em um orfanato, ela não se deixou ser uma pessoa amargurada, mas sim, luta sempre em busca de ter um futuro melhor.

E quando conhecemos ela, e aí temos também um príncipe encantador como o Thabiso, como não se apaixonar?

Eu gostei bastante, porque nessa história além de um conto de fadas moderno, temos também algo que eu achei muito legal, que foi o fato da autora falar mais sobre a cultura africana.

Temos um casal de Príncipe e Princesa negros, o que eu até hoje não tinha lido e que adorei demais.

A história acontece em dois continentes (América do Norte e África) e acompanhamentos as tradições de duas culturas diferentes.

Eu gostei bastante que a autora trouxe também costumes africanos para a história, o que deixou ela ainda mais atraente.

É um romance fofo, apaixonante e que você lê tão rápido, porque a escrita é bem fluida.

Gostei bastante dessa história e recomendo.

Resenha: um amor conveniente

Resenha: um amor conveniente

Resenha 🌷

240 páginas || @tessa_dare || @gutenbergeditora

Olá leitores, hoje trago a resenha do livro UM AMOR CONVENIENTE, que eu recebi em parceria com a Gutenberg Editora.

Alexandra Mountbatten sabe fazer duas coisas muito bem.
Primeira: ela sabe ajustar relógios com o horário de greenwich e sabe observar bem as estrelas e os cometas.

E quando um mal entendido acontece e ela se vê sendo aia de duas menininhas, ela jamais pensou que sua vida mudaria para sempre.

O tutor das duas menininhas, Chase Reynand que futuramente será um Duque, acredita que elas precisam de disciplina e aprenderem a agir como damas, mas Alexandra percebe que elas só precisam de amor.

A medida que tenta convencê-lo disso, ela se vê tentada a querer passar mais tempo ao lado desse sedutor e mulherengo Duque, o que colocará tudo o que acredita em jogo.
⠀⠀⠀⠀
🌷Bastou um capítulo e eu já estava completamente envolvida com essa história.

Sabe quando no primeiro capítulo a autora consegue já te envolver e te faz ficar curiosa sobre como ela vai conduzir a história? Pois é.

Quem me conhece sabe o quanto eu sou fã da escrita da Tessa, tanto que já li todos os livros e tenho um carinho enorme por eles, e claro que quando tive a chance de ler esse, eu não a perdi.

A Alexandra é tudo o que uma mocinha precisa ser: ela é forte, destemida, fala o que pensa e tem um coração tão grande e puro que é impossível não simpatizar com ela a primeira vista.

O Chase é aquele mocinho que na primeira vez que ele abre a boca, você já sabe que vai amá-lo loucamente, e não duvide quando eu digo que você irá.

A história toda é fascinante, e me vi tão envolvida nela, que eu comecei de manhã e meia noite do mesmo dia eu já estava acabando, de tanto que eu fiquei envolvida e querendo chegar ao final feliz.

A Tessa não decepciona mais uma vez, e me deixa cada vez mais fã da sua escrita, completamente ansiosa para o próximo livro dessa série.

Se você é fã de romance de época e ainda não conhece essa série, tem o primeiro livro resenhado aqui no IG.

Espero que tenham gostado e até a próxima resenha.

Lançamento: Minha queda por heróis

Lançamento: Minha queda por heróis

Um inverno rigoroso.

Uma ilha isolada.

Um homem. Uma mulher.

Fantoches. (Sim, fantoches…)

E…

Uma casa misteriosa que domina a paisagem.

Ele: um recluso escritor de livros terror. Ela: uma atriz frustrada que ganha a vida com teatro de bonecos.

Annie Hewitt chega a Peregrine Island no meio de uma tempestade de neve. Está falida e desanimada – mas não a ponto de desistir. Tudo que tem são seus fantoches, seus amados livros de romances e um pouquinho de coragem.

Mas ela não está preparada para o que a espera no chalé Moonraker. Nem para o homem que vive em Harp House, o misterioso casarão que assoma sobre o chalé. Quando Annie era adolescente, ele a enganou de tal maneira que ela nunca conseguiu esquecer nem perdoar. E os dois estão agora presos em uma ilha gelada, cujos moradores aparentemente não sabem cuidar da própria vida.

Será que ele ainda é o mesmo vilão do passado? Ou teria ele mudado?

Este inverno promete ser longo e quente.

Resenha: Turma d Monica Jovem em Um Convite Inesperado

Resenha: Turma d Monica Jovem em Um Convite Inesperado

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

252 páginas || @babidewet @apamgoncalves Carol Christo Melina Souza || @editoranemo


Sinopse: As personagens da Turma da Mônica Jovem estão de volta em quatro histórias inéditas. Cada uma das garotas – Mônica, Magali, Denise e Marina – recebe um convite especial que se transforma em uma aventura inesperada. Mônica visita a maior feira de games e cultura pop do país e acaba entrando em uma competição de seu jogo favorito. Magali vai a uma cartomante e descobre algo que poderá mudar sua vida. Marina faz de tudo para ir ao show mais esperado do ano e se mete em várias confusões. Já Denise é convidada para uma rede social exclusiva e acaba se tornando aquilo que sempre quis ser: uma digital influencer. Prepare-se para acompanhar algumas das personagens mais queridas do país nestes contos sobre o poder da amizade, a efemeridade da fama e a coragem de sermos nós mesmos.


Olá leitores, hoje trago a resenha do livro TURMA DA MÔNICA: UM CONVITE INESPERADO, que eu recebi em parceria com a Editora Nemo.

Quatro convites completamente inesperados acabam chegando para as nossas quatro garotas da turma da Mônica jovem.

Mônica acaba sendo convidada para participar de um dos maiores festivais de Games, e descobre que está famosa por dançar um de seus jogos de dança favoritos.

Magali acaba indo para a casa de sua nova vizinha e depois disso acaba ganhando a oportunidade de se consultar com uma verdadeira cartomante, que fará com que ela pense de uma forma totalmente diferente.

Marina acaba fazendo o possível e impossível para ir ao show de sua banda favorita e jamais esperava que teria a verdadeira oportunidade de viver uma nova aventura.

E Denise, depois de um convite por engano acaba sendo chamada para participar de uma nova rede social, que é exclusiva para as celebridades mais famosas da atualidade.

⠀⠀⠀⠀

🌷Este livro é dividido em quatro contos, sendo que cada um deles é escrito por uma das autoras.

Eu adorei todos eles e mesmo não sendo escrito através de quadrinhos como a maioria está habituado, eu conseguia imaginar cada uma das aventuras vividas por nossas amadas mocinhas.

Cada uma, escrita de uma forma e com aventuras muito divertidas, é impossível você não se conectar com elas e não acabar o livro em pouco tempo, já que todas as narrativas são fluídas e envolventes.

O que eu mais gostei desse livro é que ele me deixou nostálgica e me deu uma saudade enorme da minha infância, já que cresci lendo os gibis com esses personagens crianças e agora ver elas adultas, é como se elas tivessem envelhecido junto comigo.

Adorei demais as histórias e super recomendo para os amantes da turma da Mônica.

Resenha: As garotas Madalenas /V. S. Alexander

Resenha: As garotas Madalenas /V. S. Alexander

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

288 páginas || V. S. Alexander || @editoragutenberg


Sinopse: Dublin, 1962. Dentro dos portões do convento das Irmãs da Sagrada Redenção opera uma das Lavanderias de Madalena da cidade. Outrora um lugar de refúgio, as lavanderias haviam evoluído para sombrios reformatórios de trabalhos forçados. É para lá que a jovem Teagan Tiernan, de 16 anos, é levada pela família, depois de ter sido transformada em personagem de uma intriga que também envolvia um jovem e belo padre.

Convivendo com mulheres “em desgraça” – mães solteiras, prostitutas, menores infratoras – e garotas comuns, cujos únicos pecados se resumiam a serem bonitas ou independentes demais, Teagan faz amizade com Nora Craven, uma jovem rebelde que pensava que nada poderia ser pior do que sua miserável vida familiar. As duas jovens se tornam reféns da Madre Superiora e de suas punições cruéis – sempre em nome do amor. Entre fracassadas tentativas de fuga, Teagan e Nora vão descobrir como é árduo o mundo exterior, principalmente para jovens de reputação arruinada.

Narrado com franqueza, compaixão e riqueza de detalhes históricos, As garotas Madalena é um primoroso romance sobre a vida dentro dessas polêmicas instituições da Igreja Católica. É uma história inspiradora de amizade, esperança e incansável coragem.


Olá leitores, hoje trago a resenha do livro AS GAROTAS MADALENAS que eu recebi em parceria com a editora Gutenberg.

O ano é 1962, e em Dublin existe o famoso convento das Irmãs da Sagrada Família, e neste convento duas garotas completamente diferentes acabam se conhecendo.

Enquanto Teagan Tierne é enviada para lá por causa de uma intriga envolvendo o seu nome e um jovem padre, Nora Craven é levada até lá por problemas familiares, nos quais sua família quer dar-lhe um castigo e assim fazer com que ela se transforme em outra pessoa.

Só que até o convento é como uma prisão. As meninas têm horário para dormir, são obrigadas a trabalhar o dia todo na lavanderia, não podem conversar entre si, não tem visitas e tudo o que fazem contra as regras, as fazem ser severamente castigadas.

Arrumando uma nova aliada e querendo fugir dali de qualquer forma, elas são capazes de qualquer coisa para viverem livres e buscarem a real felicidade.

⠀⠀

🌷Pensem em uma leitura super fluída e que você consegue ler o livro todo em poucas horas.

Foi meu primeiro contato com o autor e eu gostei bastante. Eu me senti envolvida pela história das Madalenas logo no início e passei a me apegar a eles, super ansiosa pra saber se elas conseguiriam escapar, e quais eram os segredos que aquele temido lugar guardava.

É uma leitura que consegue te transportar pra época e te faz ter uma clara visão de como as mulheres sempre sofreram e por coisas que nem de fato ocorriam.

Este livro fala um pouco sobre como tentam calar a sua voz, e que na maioria das vezes, somos sempre tachadas de culpadas.

Eu sofri com as garotas Madalenas, e torci tanto por um final feliz, mesmo sabendo que existem marcas e coisas que somos obrigados a nos submeter, que acabamos levando para toda a vida e que são capazes de “matar” até a alma mais positiva e brilhante.

Cruel e triste saber que muito do que está ali, por mais que seja “escondido”, é muito real mesmo atualmente.