Resenha: Mulheres Confiantes / Tori Telfer

Resenha: Mulheres Confiantes / Tori Telfer

💬”Golpes, trapaças e outras artimanhas da persuasão feminina.”

Resenha🌷

resenhameuromeo

322 páginas
Olá leitores, hoje trago a resenha do livro MULHERES CONFIANTES, que eu recebi em parceria com a Editora HarperCollins.

Da mulher que se passou pela melhor amiga de Maria Antonieta no século XVII a que enganou a NFL nos anos 1970 e àquelas que, desde a morte dos Romanov, têm se autoproclamado a princesa Anastasia e vendido suas histórias para revistas e jornais, golpes audaciosos e vigaristas carismáticas continuam a nos intrigar enquanto cultura.

Atualmente, essas “artistas” ainda estão performando golpes. Como Tori Telfer revela em Mulheres confiantes, a arte do golpe tem uma tradição longa e venerável, e as mulheres são algumas de suas melhores ― ou piores ― praticantes.

Por meio dessas histórias intrigantes e envolventes, Telfer faz a provocativa pergunta: de que maneira a patologia feminina auxilia no planejamento e na execução desses golpes ― e como essas mulheres notáveis foram capazes de enganar e ludibriar suas vítimas de forma tão espetacular?

🌷Não tem como não começar essa resenha e não falar sobre a beleza dessa edição, que é com certeza uma das edições mais lindas da minha estante.

O livro está todo ilustrado, com as páginas amarelas, mas com gravuras em preto, branco e roxo, além da pintura unilateral roxa, que está um primor.

Já a história é dividida em vários contos, onde vamos conhecendo essas mulheres totalmente persuasivas.

Utilizando subterfúgios como beleza, charme, atração, ambição, segredos, mentiras, e uma mante muito persuasiva, dava para perceber que elas muitas vezes acreditam que o que estavam fazendo era correto e, que muitas vezes elas acreditam nas próprias mentiras que contavam.

Por ser dividido em contos, eu fui lendo a história em doses homeopáticas, já que separei para ler um conto por dia.

E confesso que fiquei surpresa por todos os golpes que elas conseguiram dar, que na hora de ler, eu fiquei entre pensar “que absurdo, como alguém acreditou nisso?”, a até “que genial, essa mulher se superou”.

Sim, porque por mais que eu pensava que ninguém seria capaz de acreditar em certas histórias, o melhor era imaginar que elas eram tão boas em seus golpes, que é claro que elas são bem capazes sim, de fazer com que qualquer pessoa fosse capaz de acreditar.

É um livro para ser apreciado.
Não somente por sua beleza, mas também por conta do poder, que ele carrega.

E no fim, só posso resumir o livro todo como: surpreendentemente incrível! Você precisa ler e conhecer esta história.

Resenha: A noiva inesperada do sheik / Mari Cardoso

Resenha: A noiva inesperada do sheik / Mari Cardoso

💬”Amor não era só sobre demonstrações extravagantes, joias, presentes caros ou um eu te amo a cada dois segundos. Amor era estar junto, sobreviver às dificuldades, levantar quando o outro caísse, equilibrar a balança, ser amigo, ter paciência e levar paz. Amar era um desafio diário.”

Resenha 🌷

resenhameuromeo

301 páginas // @mcmaricardoso
Olá leitores, hoje trago a resenha do livro A NOIVA INESPERADA DO SHEIK, segundo livro da série casamentos de conveniência, eu li em parceria com a autora, Mari Cardoso.

Abdar Khan sempre soube os deveres de ser um príncipe, e futuro herdeiro de um império, mas mesmo sabendo de suas obrigações futuras, ele não deixou de aproveitar sua vida.
Afinal, dinheiro não era problema, e ele sabia do charme que tinha, e sempre gostou de aproveitar sua solteirice durante bastante tempo.

Porém, ele sabe que com o passar os anos, é dever dele se casar e ter uma família.

E o momento acabou de chegar, já que seu pai conseguiu uma noiva que seria totalmente adequada tanto para ele, bem como para os interesses do império.

Rawan viveu durante muitos anos sozinha, já que seu pai a enviou a Londres para ela estudar e tivesse um grande futuro.

Contudo, ela sabe que ter nascido em seu país, carrega certos costumes e que em algum momento ela terá que aceitar um casamento arranjado por seu pai.

Porém, o que ela não esperava, era que neste acordo, ela fosse encontrar mais do que jamais sonhou.

🌷E chegamos ao fim de mais um livro da Mari Cardoso, e mais uma vez terminei a história apaixonada.

E Abdar mesmo sendo um solteiro convicto, sempre soube dos seus deveres de herdeiro, e foi um homem íntegro em todos os momentos.
O jeito como ele foi criado, acredito que contribuiu muito, pois, mesmo vivendo em um país de cultura árabe, onde os costumes são mais rígidos, seu pai sempre foi a favor de mudá-los.

E quando ele se depara com um casamento arranjado, ele não tem medo do que o futuro o espera.

E quando ele conhece a Rawan, ele descobre que ganhou mais do que uma noiva e futura esposa, mas uma amiga, e uma mulher que estaria ao lado dele em todos os momentos.

A construção do relacionamento é feita de forma gradual, e foi uma delícia acompanhá-la durante toda a história.

Além disso, a forma como a Rawan vem para ser uma luz de juventude num império ainda com poucos direitos para as mulheres, foi maravilhoso.

Separei um trecho que me marcou e que eu particularmente gostei bastante que foi:
“Equidade não é querer que mulheres tomem o lugar dos homens. Tem espaço para todo mundo. Tem abertura para que a mulher seja respeitada pela escolha de vida que tomar. Se ela quiser ficar em casa com os filhos, tudo bem. Se ela quiser sair e trabalhar, tudo bem também. Sonhar com condições igualitárias não deveria ser motivo de morte.”

E eu amei demais a forma como a autora trabalhou sobre equidade na história, e como eu torço para que tudo o que aconteceu ali, de fato aconteça em todos os países com cultura árabe.

Além disso, a trama trouxe um antagonista, que me fez odiá-lo com todas as forças, e que me deixou mais ainda presa na trama, querendo ver em que momento o castelo de areia dele iria ruir.

E por fim, não posso deixar de recomendar vocês esta história, que tem tudo para conquistar os amantes de casamentos de conveniência, bem como os apaixonados por sheiks e pela cultura árabe.

Primeiras Impressões: Proibida para o mafioso / Jessica Macedo

Primeiras Impressões: Proibida para o mafioso / Jessica Macedo

💬 “Era difícil explicar por que um homem me causava tanto pavor e o outro fazia com que eu o desejasse tanto. Amor e luxúria certamente iam muito além da linha racional.”

Primeiras Impressões 🌷

Olá leitores, hoje trago as primeiras impressões do livro PROIBIDA PARA O MAFIOSO, segundo livro da duologia Máfia Lansky, que estou lendo em parceria com a autora, Jessica Macedo.

Quem disse que hoje o clima está frio, é porque ainda não começou a ler este livro.

Confesso que desde que li a sinopse dele, eu estava doida para começar, por achar a trama diferente do que estou acostumada a ler.

E estou impactada com o amor do casal principal, Lauren e Logan, são dois personagens que estão aprendendo com seus erros e sua força sobre o que você é capaz de fazer pôr amor a alguém.

Eu comecei a história hoje e já estou super viciada nela, e esse casal promete me fazer querer virar a madrugada toda lendo pelo jeito.

Para os leitores apaixonados por máfia, mas que não sigam a linha dark (então, pode ler sem medo, os que curtem histórias mais voltadas ao casal em si), pode se jogar sem medo, porque sei que ficaram viciados como eu estou agora.

E olha, sinto que a história promete até o final.

Vou deixar a sinopse abaixo para conhecerem, e o livro está disponível tanto para os assinantes do Kindle Unlimited, bem como os demais.

Sinopse 🌷:
Logan Lansky é o consigliere da máfia italiana nos Estados Unidos, um homem poderoso com regras rígidas de dever e honra. Perdeu os pais quando era muito jovem e foi criado pelo seu tio, o chefe, aprendendo a colocar a máfia sempre acima de tudo, inclusive dos seus desejos.

Lauren Lansky é a princesinha da máfia, filha do chefe, ela poderia fazer o que quisesse, mas precisou lidar com as consequências de ter nascido mulher. Seu irmão mais velho, o atual no comando, a prometeu em matrimônio para o líder de uma máfia rival, a fim de que os conflitos terminassem. Fiel à família, ela estava disposta a aceitar seu destino e ser dada como moeda de troca em um casamento arranjado, mesmo que isso custasse o seu coração para sempre.

Logan e Lauren são primos, fiéis à família e a máfia onde foram criados e estão determinados a seguir esses preceitos a todo custo, mas a atração entre eles pode ser forte o bastante para mergulhá-los em uma guerra com inimigos e com os próprios sentimentos.

Aviso: Proibida para um Mafioso, livro 2 da máfia Lansky, é um volume único. Por ser com casais diferentes, cada livro da série pode ser lido separadamente, mas o posterior contém spoilers do anterior.

ATENÇÃO! Essa história contém cenas impróprias para menores de dezoito anos. Contém gatilhos, palavras de baixo calão e conduta inadequada de personagens. Apesar de ter a máfia como plano de fundo, esse não é um romance dark, se você espera cenas de abuso sexual, esse livro não corresponderá as suas expectativas.

Resenha: Six Of Crows / Leigh Bardugo

Resenha: Six Of Crows / Leigh Bardugo

💬 Terminei está história a alguns dias, e ainda estou impactada com a história, a narrativa e todos os personagens. Leigh Bardugo conseguiu me surpreender mais uma vez.

Resenha 🌷

378 páginas //
Olá leitores, hoje trago a resenha do livro SIX OF CROWS: SANGUE E MENTIRAS, que recebi em parceria com a Editora Gutenberg e que foi lido pela colaboradora, Ale.

Kaz Brekker, é o melhor negociador de Ketterdam e é a trapaça em pessoa. Dono do Clube do Corvo, ele foi contratado para roubar uma droga poderosa que aumenta os poderes dos grishas e evitar que ela caia em mãos erradas.

Para isso, ele monta uma gang de foras da lei, composta por Inej, uma acrobata, que tem como habilidade se espreitar nas sombras e passar despercebida.
Nina, uma grisha sangradora que tem o dom de curar as pessoas.
Mathias, um soldado, caçador de grishas, e que tem como objetivo se vingar do amor de sua vida que o traiu.
Jesper, um menino acostumado com o perigo é viciado em jogos de azar.
E Whylan, que entra para o gang com o objetivo, de caso tudo de errado, ele se tornará um refém da trupe.

🌷Meu Deus! Estou completamente impactada com essa história, que se passa 3 anos após a saga de Sombra e Ossos e tem muitas referências da trilogia amada por todos.

O livro é recheado de plot twist, suspense e muita emoção.
É impressionante o quanto eu torci em cada linha escrita, para que toda a gang de Kaz saísse com vida da missão a qual foram contratados.

Os planos para entrar e sair da fortaleza e as sequências dos acontecimentos são simplesmente sensacionais, tô chocada em como a autora conseguiu dar emoção em cada cena.

E além de tudo, o que mais chama a atenção, é a química entre os 6 personagens.
Leigh Bardugo tem o dom de construir relações profundas de amizades e amor. Sim, esse livro fala muito sobre essas relações, onde você sente que o amor entre os personagens é aquele amor de alma, predestinado a acontecer.

Os três casais me deixaram sem fôlego tantas vezes, que perdi até a conta.

Sério, este livro é perfeito. Gostei mais do que Sombra e Ossos, justamente pela autora ter conseguido juntar seis personagens incríveis, para uma missão emocionante, empolgante e totalmente surpreendente. É cada plot twist de arrebentar o coração.

Eu amei demais e não vejo a hora de ler a sequência dessa duologia que é simplesmente incrível.

Resenha: Jogos de Herança / Jennifer M. Barnes

Resenha: Jogos de Herança / Jennifer M. Barnes

Resenha 🌷

432 páginas // Jennifer M. Barnes // @editoraalt
Olá leitores, hoje trago a resenha do livro JOGOS DE HERANÇA, que eu li em parceria com a Editora Alt.

Avery Grambs vê sua vida mudar do dia para a noite.

Após receber uma visita inesperada, ela descobre que todos seus planos acabam de mudar, já que ela acaba de ser comunicada que herdou uma herança bilionária de um homem do qual nunca ouviu falar.

Tobias Hawthorne foi um homem viciado em jogos, enigmas, quebra-cabeças e códigos misteriosos, e antes de morrer, redigiu um testamento para uma menina completamente desconhecida, para os até então seus herdeiros.

Contudo, para receber essa herança, Avery terá que mudar para a mansão Hawthorne, e viver por um ano não somente com as filhas do antigo dono da mansão, mas também com os quatro enigmáticos netos, dos quais, acreditam que não somente ela é uma impostora, mas que também são levados a tentar desvendar o último enigma de seu avô.

Enquanto buscam respostas, eles terão que aprender a lidar também com traumas do passado, e também a tentar descobrir qual foi a última jogada de seu avô, nesse enigma sem respostas.

🌷Primeira dica que eu dou caso você vá ler este livro: só comece ele se você poder terminar ele no mesmo dia.

Com uma escrita rápida, cheia de mistérios, e que envolve o leitor durante toda a narrativa, temos uma história totalmente viciante.

Começa pelo fato de que, afinal, quem não iria querer receber uma herança bilionária do dia para a noite? Eu certamente iria gostar 😬, mas claro que nada seria tão fácil, ainda mais quando essa herança em questão, vem de alguém que não é seu parente, é muito menos alguém que você já tenha ouvido falar.

E claro, que ao receber isso, a personagem estaria no meio de um jogo, onde a família tenta descobrir qual a motivação do senhor Tobias Hawthorne.

E foi exatamente isso que motivou durante toda a história.

Eu fiquei tanto quanto a Avery e os netos do Tobias, tentando desvendar qual a ligação que os unia, e de fato, esse mistério foi maravilhoso.

Eu me senti envolvida ali de tal forma, que em muitos momentos parecia que eu era a Avery, e assim como ela, ficava com medo sobre quem confiar.

E uau! Que final eletrizante.

Em vários momentos eu fiquei tão surpresa que tive vontade de gritar, e que por sorte, tinha amigos que já haviam lido e dos quais eu pude surtar com eles.

Um livro cheio de emoção, cenas eletrizantes e uma história que te deixa preso do início ao fim.

Estou agora super ansiosa para o próximo livro que está para ser lançado fora do país, e que não vejo a hora de ser lançado aqui também.