Primeiras Impressões: O pai do meu bebê é um sheik / Cris Barbosa

Primeiras Impressões: O pai do meu bebê é um sheik / Cris Barbosa

💬 “Meu peito subia e descia ofegante quando ele se afastou, encarando-me com aquele maldito sorriso de canto de boca que tanto me encantava e seduzia. Meu Deus! Que tiro foi esse? Se o beijo era bom assim, comecei logo a imaginar o resto. Será que ele também havia gostado tanto quanto eu?”

Primeiras Impressões 🌷

Olá leitores, hoje trago as primeiras impressões do livro O PAI DO MEU BEBÊ É UM SHEIK, que eu estou lendo em parceria com a autora, Cris Barbosa.

Um sheik para chamar já de meu? Com certeza.

Mas, na verdade, ele está sendo da Isadora, mas nem por isso, eu não posso sonhar, não é mesmo?

Afinal, esse sheik está sendo tudo e mais um pouco.
Ele é doce, carinhoso, romântico e totalmente encantador. E o melhor: ele só quer casar se for por amor.

E quando ele coloca os olhos na nossa brasileira Isadora, ele sabe que ela pode ser mais especial do que ele imaginava.

A química dos dois foi imediata, e até o momento eu estou super envolvida pelos dois, que conseguiram prender toda a minha atenção hoje durante o dia.

O livro lançou hoje e está disponível para os assinantes do Kindle Unlimited e também para quem quiser adquirir o e-book direto no site da Amazon.

Vou deixar a sinopse abaixo para conhecerem um pouco mais sobre a história.

Sinopse 🌷:
Khalil bin Ahmad Al-Sabbah herdou o título de sheik após o falecimento de seu pai. Junto ao título vieram as obrigações com o seu clã e os negócios da família. Muito lindo e sedutor, após ter passado alguns anos estudando na Europa, em contato com a cultura ocidental, Khalil, ao contrário do patriarca da família, não pretendia se unir a uma mulher através de um matrimônio arranjado, tampouco ter mais de uma esposa. Queria se casar por amor. Porém, sua mãe pretendia arranjar-lhe uma noiva o mais rápido possível, acreditando que isso daria mais credibilidade ao título e a posição social que ele ocupava.

Até que um dia ele conheceu Isadora Barreto Simões, uma linda, encantadora e desastrada brasileira que, após terminar um relacionamento de longa data com alguém com quem ela acreditou que se casaria, ganhou uma viagem para Dubai em um sorteio.

Os dois se sentiram imediatamente atraídos um pelo outro e aos poucos foram se conhecendo melhor e se envolvendo cada vez mais. Entretanto, Khalil resolveu ocultar algumas coisas… Quando Isadora descobriu se ressentiu pela mentira e voltou para o Brasil sem deixar vestígios e sem saber que estava grávida do sheik, deixando-o desesperado à sua procura.

O que será que o destino reservou para essas duas pessoas de mundos e culturas tão diferentes?

*Conteúdo Adulto (+18)

Primeiras Impressões: A filha do cowboy / Christine King

Primeiras Impressões: A filha do cowboy / Christine King

💬 “Deus, beijá-lo seria um pecado. Mas também seria um pecado delicioso.”

Primeiras Impressões 🌷

Olá leitores, hoje trago as primeiras impressões do livro A FILHA DO COWBOY, que eu estou lendo em parceria com a autora Christine King.

Confesso que eu estava morrendo de saudades de ler um livro com cowboy.

Então, assim que este livro lançou, e ele já era um livro super aguardado por mim, eu claro que já baixei e comecei a ler.

E eis, que só parei agora para contar para vocês o quanto já estou adorando a história.

Eu conheci o mocinho em outro livro da autora, e desde que ela anunciou que ia escrever a história do Jason, eu sabia que iria ficar viciada nele.

Aqui temos um mocinho quebrado pelo passado. E que não quer mais amar, mas que precisa de um casamento por contrato, pois, para ser governador, ele precisa de uma primeira-dama.

E do outro lado, temos uma mocinha inocente, pura e meiga.

Pronto, tudo o que um bom romance pede.

O livro lançou hoje e está disponível para os assinantes do Kindle Unlimited e também para quem quiser adquirir o e-book direto no site da Amazon.

Vou deixar a sinopse abaixo para conhecerem um pouco mais sobre a história.

Sinopse 🌷:
Para me tornar o homem mais poderoso do Texas e futuro governador, eu aprendi que era capaz de quase tudo.

Dizem por aí que sou o melhor partido do Texas, e as mulheres costumam gritar de prazer em minha cama.

Mas para me casar, não poderia ser com qualquer mulher.

Numa tarde, porém, eu me deparei com aquela garota e sua sobrinha bebê clamando por minha ajuda, desesperadas e famintas.
Quando pus os olhos nelas, sabia que elas seriam minhas.
Eu me casaria com Rachel apenas por contrato.

Ela precisava de apoio, eu precisava de uma esposa, e sua sobrinha bebê precisava de um pai.

Tínhamos um problema, e uma prática solução.

Só não contava que num momento louco de desejo selvagem, eu engravidaria minha inocente esposa e tudo mudaria.

Resenha: Doce Lar / Tillie Cole

Resenha: Doce Lar / Tillie Cole

💬 “Lar é estar com a outra metade de sua alma, com a pessoa que compartilha seu pesar e te ajuda a levar o peso da perda. O lar está na pessoa que, apesar de todas as coisas, nunca desiste de você e te traz felicidade eterna.”

Resenha 🌷

390 páginas // Tillie Cole // Clube Essência
Olá leitores, hoje trago a resenha do livro DOCE LAR, primeiro livro da série sweet, que recebi em parceria com a editora Essência, e foi lido pela colaboradora, Juh Pongeluppe.

Molly Shakespeare é uma estudante bem dedicada.
Até porque, por conta de alguns traumas em sua vida, a forma que ela encontra de esquecer de seus problemas é estudando.

Não é à toa, que ela estudou em Oxford e acredita saber sobre praticamente qualquer assunto.

Contudo, quando ela se muda da Inglaterra para os Estados Unidos, ela vai descobrir que não domina assim tantos assuntos como imagina.

Ainda mais em relação ao amor.

Afinal, ao conhecer o famoso quarterback de sua nova escola, Romeo Prince, ela acaba não conseguindo resistir ao magnetismo e a atração que surge entre eles.

E no meio desse relacionamento, ela aprenderá mais sobre ela, do que qualquer livro poderia ensinar.

🌷Eu sempre tive muita curiosidade em ler outros livros da autora, já que meu primeiro contato com sua escrita foi no livro “mil beijos de garoto”.

Então, quando vi que o segundo volume desta série iria sair, decidi conhecer a história deste primeiro livro.

E não posso negar, que assim como a minha primeira experiência com a autora, está história foi bem fluida.
A narrativa da autora é rápida, com aquele romance com fortes doses de drama, que acaba deixando o leitor envolvido.
Porém, certas coisas me incomodaram durante a história.

Aqui vamos conhecer uma mocinha que acabou sofrendo demais, e encontrou nos estudos sua válvula de escape.

Contudo, esse jeito de ser dela de fugir das coisas, e acredito que por conta da idade, acabou atrapalhando um pouco com que ela amadurecesse seu jeito de ser e tratar as pessoas.

O Romeo é um fanático por controle. Ele precisa ter controle sobre tudo, e devido a isto, acaba sendo às vezes um pouco bruto no jeito de falar, o que impediu que eu me conectasse um pouco com ele.

O romance acontece rápido, já que ambos os personagens se apaixonam rapidamente.
Mas como falei anteriormente, a pouca idade deles e a talvez falta de experiência em relacionamentos, faz com que eles tomem decisões equivocadas, e que acaba atrapalhando o desenvolvimento do relacionamento e principalmente da confiança entre eles.

É aquele típico clichê mocinha nerd com mocinho popular, que apesar das diferenças, vão acabar se deixando entregar pelo amor.

Uma das coisas que mais gostei na história, foram as amigas e o amigo dele, o que me motivaram demais a ler a sequência, pois, acredito que vou gostar muito de suas histórias.

Apesar dos pontos que citei acima, sei que muitos vão gostar da história, ainda mais para os apaixonados por romances onde os personagens têm várias diferenças, mas que encontram nelas uma maneira de viver um grande amor.