Resenha: Operação Família / Sarah Morgan

Resenha: Operação Família / Sarah Morgan

💬 “Quem disse que você não pode escolher sua família?”

Resenha ✨

400 páginas // Sarah Morgan // Harlequin Books Brasil
Olá, leitores. Hoje trago a resenha do livro OPERAÇÃO FAMÍLIA, que eu recebi e li em parceria com a editora Harlequin Books Brasil.

Flora Donovan parece viver uma vida muito bem planejada e feliz.

Contudo, por trás do emprego dos sonhos e de um apartamento bem mobiliado, ela sente que falta algo.

Quando então, ela conhece Jack Parker ela vê que enfim sua vida está completa.

Porém, mal sabia ela, que para viver esse amor, teria que conquistar bem mais que o coração de Jack, mas também sua filha adolescente e viver as margens da falecida esposa de Jack.

Uma viagem de férias poderia ser a melhor opção para que todos pudessem se conhecer e aprender a conviver da melhor forma possível. Mas será que todos estão prontos?

Talvez a melhor forma de tudo ser melhor, seja deixar tudo fluir.

✨Mais do que um livro sobre romance, essa história é sobre família e sobre a maneira como lidamos com o luto.

Confesso que eu esperava outro formato de história, mas apesar disso, o livro conseguiu me surpreender positivamente.

Sendo narrado por mais do que um ponto de vista, nos conseguimos ver como os personagens pensam, e como uma mesma situação pode mudar de acordo com diferentes perspectivas.

O que eu mais gostei na história, foi como a Sarah Morgan trouxe uma história real e que acontece o tempo todo.

Afinal, a grande maioria das famílias não são aquelas “família margarina”. Elas têm problemas, elas têm dores com que lidar, elas aprendem na convivência a superar tudo.

A Flora foi uma guerreira em aguentar certos momentos da Izzy. Confesso que se eu tivesse no lugar dela, acredito que não teria tido tanta paciência.

A Izzy é uma adolescente, que tá passando por todos os problemas que os adolescentes passam, mas principalmente lendo que lidar com a m0rte da mãe, o que tornou compreensivo esse receio em relação ao que a Flora seria na família dela.

O livro é fluido, recheado de diálogos, o que é uma marca registrada da autora, que consegue imprimir bem as suas características na história.

Mas para mim, o principal da história é a mensagem importante sobre família que ele passa.
Afinal, para ser família, não precisa necessariamente ter traços consanguíneos. Família é onde nos encontramos pessoas nos quais nos sentimentos bem, queremos bem e que nos faça só o bem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s