Resenha: A dama e o monstro / Sarah MacLean

Resenha: A dama e o monstro / Sarah MacLean

✨ “Ela queria ficar com ele.
Para sempre.
Porque Hattie amava Whit. Porque ela queria protegê-lo.”

Resenha ✨

336 páginas // Sarah MacLean
Olá, leitores. Hoje trago a resenha do livro A DAMA E O MONSTRO, segundo livro da série bastardos impiedosos, que eu recebi em parceria com a editora Gutenberg, sendo lido pela colaboradora, Ale.

Lady Henrietta Sedley tem um plano. No seu aniversário de 29 anos, a jovem pretende assumir os negócios de seu pai, fazer sua própria fortuna e, assim, ser dona de sua vida. Mas, antes de tudo, ela pretende experimentar o gostinho daquele prazer do qual ela renunciará ao assumir o papel de solteirona convicta. Tudo parecia correr bem até Lady Hattie encontrar o homem mais bonito do mundo preso em sua carruagem. E o pior de tudo é que o rapaz representa uma ameaça para seus planos.

Quando Whit – o rei de Covent Garden – acorda na carruagem de Lady Hattie, ele fica intrigando com a misteriosa mulher que o libertou. Especialmente quando descobre que ela está em busca de uma noite de prazer. Conhecido como Beast, ele não vai se negar a oferecer tudo o que aquela dama deseja, mas não sem antes cobrar um preço alto por essa aventura.

Dessa paixão inesperada, entre Hattie e Whit também nascerá uma rivalidade, tanto nos negócios quanto no prazer. A Dama não renunciará a seu plano e o Monstro não vai largar seu poder. Nenhum deles consegue perceber que, se não forem cuidadosos, vão precisar não desistir de tudo, até mesmo de seus corações.

✨Neste segundo livro, conhecemos uma mocinha totalmente diferente do que esperava.

A Hattie é fenomenal, uma mocinha a frente do tempo, direta e sabe o que quer, não tem medo de enfrentar perigos, inclusive o famoso bastardo Beast.

E o Beast, o que falar sobre ele. Ele é incrível, amoroso, cuidadoso com uma história de superação linda.

E eu amei os personagens, de verdade, porém, tive um certo problema com eles como casal.

O problema no meu ver é que o casal não tem química, eles funcionam individualmente, mas como casal deixam a desejar. Realmente, parecem serem grandes parceiros de negócios, sócios incríveis, mas como homem e mulher? Não sei, não senti essa chama, talvez pelo fato de quererem provar um para outro que são melhores deixa o romance um pouco de lado.

Além disso, tudo é muito enrolado para acontecer mesmo a história sendo obvia, até as cenas de amor levam de um a dois capítulos para acontecerem.

Porém, isso não quer dizer que eu não tenha gostado da história. Pelo contrário, eu gostei bastante dela, até porque os personagens são ótimos, empolgantes com a veia de humor que muitos romances de época não possuem.

Agora vou me jogar no terceiro livro e ver como termina a história destes bastardos que eu amei acompanhar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s