Primeiras impressões: Um amor italiano / Mari Cardoso

Primeiras impressões: Um amor italiano / Mari Cardoso

Primeiras Impressões 🌷

#primeirasimpressoesmeuromeo

Olá leitores, hoje trago as primeiras impressões do livro UM AMOR ITALIANO, que foi lido em parceria com a autora, Mari Cardoso (mcmaricardoso).

Gente, me segura porque estou passando mal.

Não tem como eu trazer as primeiras impressões para vocês e não falar do surto que já estou desde que comecei a este livro.

Começa que desde que a Mari me falou dele, e eu vi as imagens, eu surtei, porque se tem uma coisa que eu amo é romance, hot e histórias com italianos.

Eu comecei ele ontem (privilegiada, eu sei), e estou amando loucamente.

Tem uma mocinha meiga e que está se descobrindo para a vida, além de um mocinho CEO e italiano que é tudo de bom..

Ai ai ai, sigo suspirando.

Apesar de estar no começo (cerca de 32%) eu não vejo a hora de ler mais e mais.

Então, embarquem comigo nessa leitura, já que ele acabou de ficar disponível no Kindle Unlimited.

Vou deixar a sinopse abaixo para deixar vocês mais curiosos ainda.

Sinopse 🌷:

Qual é o preço da sua liberdade?

“Estava perdidamente apaixonada e não sabia nem por onde começar a controlar o meu coração, que por ele, ansiava cada vez mais”.

Anna é uma mulher apaixonada pela vida e por suas descobertas, capaz de amar intensamente, entendeu que para ser livre era preciso sacrifícios dolorosos. Além de toda sua vivacidade e inteligência, escolhia seguir o seu coração… mas, até mesmo quando o amor poderia colocar em cheque a sua liberdade?

Como encontrar o perdão no meio da dor?

Lucca conhecia o sabor da traição e alimentava o medo por mudanças. Controlador, sabia que era capaz de amar novamente, mas inseguranças emocionais e incertezas do passado colocavam em risco seu novo relacionamento. Ele seria capaz de abrir o seu coração para perdoar e viver um novo amor?

Resenha: Um assassino nos portões / Sabaa Tahir

Resenha: Um assassino nos portões / Sabaa Tahir

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

434 páginas // Sabaa Tahir // @editoraverus

Olá leitores, hoje trago a resenha do livro UM ASSASSINO AOS PORTÕES, que é o terceiro livro da série Uma chama entre as cinzas, e que foi recebido em parceria com a Editora Galera Record e lido pela colaboradora, Juh Pongeluppe.

*Se você não leu o livro anterior, pode conter spoiler.*

Com a ameaça de guerra cada vez maior, Helene sabe que terá que ser forte para superar as ameaças que surgem dentro e fora do Império Marcial.

O problema é que a cada dia que passa, ela se vê envolta de mais e mais problemas, enquanto busca uma forma de salvar a todos.

Enquanto isso, Laia sabe que a única forma de acabar com tudo é conter o Portador da Morte, mas essa tarefa se mostra cada vez mais difícil.

Já Elias entregou sua liberdade para servir como Apanhador de Almas, mesmo que este poder ameace destruí-lo, bem como faz ele ser obrigado a se afastar da mulher que ama.

Em meio a vários antigos e novos inimigos, estes três terão que ser fortes, para assim conseguirem sobreviver e salvar toda as pessoas do mal que os cerca.

🌷Mais um livro desta série concluído e só posso ter a absoluta certeza de que essa história é uma das melhores fantasias que já li na vida.

A história se inicia logo após os eventos que finalizaram o livro anterior, e o que eu mais gostei nele como um todo, é que a autora conseguiu encaixar várias peças que ficaram um pouco soltas nos dois primeiros livros da série.

A personagem principal Laia, se mostrou mais uma vez uma mulher guerreira e muito resiliente, já que ela batalha realmente por tudo o que almeja e vai até o final lutando pelo que acredita.

A grande surpresa para mim neste livro foi a Helene, que nos livros anteriores eu não tinha gostado muito, mas que nessa história se mostrou uma personagem com muita esperança e foi até o final deste livro sendo firme e forte, mesmo com todos os problemas que surgiram no caminho.

Já o Elias foi um personagem que fez o meu coração chorar do início ao fim, e que me emocionou demais durante toda esta história.

Por estes três personagens, já podem

perceber que a história vai ter muitas reviravoltas e muitas lutas para mudar tudo o que está acontecendo, para que assim as pessoas possam ser livres e viverem bem e em paz.

A Sabaa é uma autora que sabe prender o leitor na história, trazendo cenas de pura adrenalina e emoção, além de trazer novos personagens que você percebe que serão super importantes no próximo livro.

Além disso, a autora deixou um gancho gigantesco para o quarto livro, o que só me fez surtar imensamente e torcer para que logo a editora lance ele, pois sei que vou surtar da mesma forma como surtei nestes três primeiros volumes.

Então, eu só peço que se você é fã de fantasia, e ainda não leu esse livro, você precisa conhecer essa série e ficar vidrada nela como eu.

Resenha: Amigo imaginário / Stephen Chboski

Resenha: Amigo imaginário / Stephen Chboski

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

770 páginas // Stephen Chbosky // Editora Record

Olá leitores, hoje trago a resenha do livro AMIGO IMAGINÁRIO, que eu recebi em parceria com a Editora Record.

Kate Reese, precisa fugir desesperadamente.

Cansada dos abusos que sofre de seu namorado, ela acaba escapando do meio da noite com seu filho, Christopher.

E quando ela entra nos limites da cidade de Mill Grove na Pensilvânia e vê ali uma cidade onde pode recomeçar, ela não pensa duas vezes.

Até que em um momento, seu filho some durante seis dias.

Depois de buscas incessantes, ele aparece no meio da noite, saindo do bosque nos limites da cidade.

Aparentemente ele não tem nada, mas não consegue explicar o que de fato aconteceu durante aqueles dias, além de uma ideia que não sai de sua cabeça: a de construir uma casa na árvore antes do Natal, para assim proteger sua mãe e toda a cidade.

🌷Aqui jaz a minha primeira resenha de um livro de terror no qual eu que li.

Sim, meus amigos leitores… este foi meu primeiro contato com o gênero, já que sempre fui uma amante do romance e uma grande medrosa para livros e filmes de terror.

E só posso dizer que fiquei surpresa com o quanto eu gostei dessa história.

É um livro longo, mas que já nas primeiras páginas me conquistou.

Eu combinei de ler apenas cinco capítulos por dia, para assim intercalar com outras leituras e só posso dizer que no final dos cinco capítulos eu só queria ler mais e mais, mesmo não podendo rs.

É uma história eletrizante.

Já pela sinopse e pelo título, já temos um gostinho de como é a trama, mas só posso dizer que vocês não sabem de nada, já que essa história me surpreendeu em tantos momentos que nem sei exemplificar todos.

Ele com certeza foi uma ótima iniciação ao gênero, já que ao conhecermos os personagens e seus dramas, o autor consegue te envolver e te deixar curioso demais.

É com certeza um dos melhores livros que li este ano, e que já falei para vários amigos que conheço, de que devem ler essa obra.

Não sei se vocês são tão medrosos como eu, mas posso adiantar que praticamente não tive medo nenhum, mas sim uma ânsia em saber mais sobre a história.

Meus parabéns ao autor que conseguiu ter uma ideia original e que conseguiu finalizar ela de forma bem surpreendente e sem deixar pontas soltas, além é claro de fazer várias referências e críticas a determinados assuntos.

Uma obra totalmente enriquecedora e surpreendente.

Resenha: A voz do arqueiro

Resenha: A voz do arqueiro

Resenha

336 páginas || @miasheridanauthor || @editoraarqueiro

Olá leitores, hoje trago a resenha do livro A VOZ DO ARQUEIRO, que foi publicado pela Editora Arqueiro.

Bree Prescott acaba de chegar a pequena cidade de Pelion, com o único objetivo de deixar seu passado para trás.

E quando sem querer acaba esbarrando em um enigmático homem, ela fica muito interessada em saber quem ele é.

O que ela não sabe é que Archer Hale, além de sua beleza enigmática, seus músculos bem definidos e sua cara de poucos amigos, na verdade se esconde de todo mundo por causa de um passado traumático e pelo fato de ser mudo.

Só que a medida que seus caminhos vão se cruzando mais e mais, uma atração começa a surgir e o amor acaba se sobressaindo acima de tudo.

Será que eles serão capazes de superar todo os seus traumas para ficar juntos?
⠀⠀⠀⠀
🌷Sabe quando você ganha um livro super desejado e por algum motivo você acaba sempre adiando a leitura por medo do que este livro vai ter trazer? Pois bem, isto aconteceu comigo.

Eu demorei mais de 1 ano e meio para ler, mesmo tendo ele aqui comigo, e posso dizer que só me arrependo de ter esperado tanto tempo para conhecer essa história incrível.

Quando eu comecei a ler, pela sinopse eu já sabia que o Archer seria mudo e fiquei com medo de como a autora iria retratar essa deficiência, e ela me surpreendeu.

A Mia criou um livro tão, mas tão lindo, que logo no começo eu já me conectei com ele e não conseguia parar de ler.

É uma história mágica. Um livro com uma história de amor tão maravilhosa, que foi impossível não favoritar ele.

A personagem feminina, Bree me encantou demais. Apesar dela fugir do seu passado, a forma como ela foi se redescobrindo e ajudando o Archer a se aceitar e se amar, foi tão linda, que essa leitora aqui, chorou muito.

Que história encantadora, apaixonante e que te faz acreditar no bem das pessoas.

Eu amei tanto que me faltam até um pouco as palavras pra explicar tudo o que eu senti lendo.

Foi incrível e vou guardar pra esse este livro no meu coração.

Resenha: História de um grande amor / Júlia Quinn

Resenha: História de um grande amor / Júlia Quinn

Resenha 🌷

288 páginas || @juliaquinnauthor || @editoraarqueiro

Olá leitores, hoje trago a resenha do livro HISTÓRIA DE UM GRANDE AMOR, primeiro livro da trilogia Bevelstoke e que eu recebi em parceria com a editora arqueiro.
Resenha escrita pela colaboradora Kelly.

Mesmo aos 10 anos de idade, Miranda Cheever sabia que não seria nenhuma beldade.
Seu corpo era desproporcional, não possuía os cabelos e olhos que a maioria das meninas de sua idade, e por isso acreditava que jamais encontraria um marido apropriado.

Só que durante o aniversário de 10 anos de sua amiga Olívia, ela acaba conversando com o irmão dela, Nigel Belvestoke e seu coração bate descompassado a primeira vez.

Mesmo passando 9 anos do ocorrido, Miranda ainda nutre um amor em segredo pelo irmão de sua melhor amiga, só que agora ela é uma linda jovem de 19 anos, enquanto ele é um homem amargurado e que sofreu muito nos anos que se passaram.
⠀⠀⠀⠀
🌷Todo mundo sabe que eu sou apaixonada por romance, né? Pois é, eu me derreto toda.

Começo dizendo que a Miranda é uma personagem cativante. Possuindo uma inteligente sem igual, uma língua afiada e um humor refinado, ela se destaca não somente por sua beleza, mas também por seu jeito de ser, já que se tornou uma verdadeira dama.

Do outro lado temos Turner, um personagem que na primeira aparição me deixou apaixonada, mas que infelizmente no decorrer do livro me decepcionou um pouco.

Ele passou por um trauma, e até entendo que o trauma que passou pode justificar suas atitudes, mas achei suas atitudes muito extremas, ainda mais por algo que muitos já passaram e superaram.

Pra mim ele mudou demais, e não achei a justificativa tão boa, mesmo para uma história datada do século XIX.

O livro se desenrola com a Miranda sempre indo atrás do amor do Turner, enquanto eu sentia que ele não dava nenhum valor ao coração e a paixão que ele sabia que ela nutria por ele.

Mas entenda, é somente a minha opinião, pode ser que você não ache tão complicada a forma como ele tratava a Miranda e todos ao seu redor.